O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

LibreOffice – primeiras impressões

Publicado por Paulo em 06/10/2010

Assim que foi anunciada a criação da Document Foundation e a criação do LibreOffice, começaram a pipocar nas listas relacionadas ao OpenOffice.org/BrOffice.org links para download dos pacotes para a instalação do LibreOffice 3.3 Beta, que seria a versão 3.3 do OpenOffice.org, com o novo nome.

Mais que depressa baixei o arquivo LO_3.3.0-beta1_Linux_x86_install-deb_en-US.tar.gz, disponível para download no endereço http://tdf.c3sl.ufpr.br/libreoffice/testing/LO_3.3.0-beta1_Linux_x86_install-deb_en-US.tar.gz, e comecei a instalação.

Descompactei-o na própria pasta Download conforme a tela abaixo:

Descompactando o arquivo

Foi criada uma pasta com o nome de “en-US” dentro da pasta Download. A partir daqui precisei utilizar o terminal para digitar dois comandos simples para poder instalar de maneira mais fácil e rápida. O primeiro comando:

cd Download/en-US/DEBS

Quando se abre o terminal, por padrão ele abre na pasta do usuário, ou seja, /home/<usuário>, no meu caso /home/pslima. Com o comando acima, entrei na pasta /home/pslima/Download/en-US/DEBS, onde estavam os pacotes de instalação do programa.

Digitei, então, o comando para instalar os pacotes:

sudo dpkg -i *.deb

O sistema solicitou a minha senha de usuário para prosseguir com a instalação. Digitada a senha, a instalação prosseguiu normalmente.

Finalmente, para instalar os atalhos dos programas no menu Aplicativos –> Escritório, entrei na pasta /home/pslima/Download/en-US/DEBS/desktop-integration, com o comando:

cd desktop-integration

Dentro da pasta digitei o mesmo comando acima:

sudo dpkg -i *.deb

Logo após a instalação desse último pacote, a aplicação ficou disponível para mim no menu, como na figura abaixo:

Menu do LibreOffice 3.3

O Aplicativo ainda está na fase Beta e ainda não está traduzido para o português, mas já dá uma boa noção de como será. A primeira coisa que se nota é a velocidade com que os programas são abertos. O BrOffice Writer 3.2.0 abriu em 7,81 segundos na minha máquina, enquanto que o LibreOffice Writer abriu em 6,84 segundos, ambos com o inicializador rápido ativados.

Das extensões que tinha no BrOffice.org, apenas o Multisave, que salva arquivos simultaneamente nas extensões ODT (ODX ou ODP), DOC (XLS ou PPT) e PDF não funcionou e travou o aplicativo. Portanto, se você tem muitas extensões adicionadas, é melhor esperar pela versão oficial quando for liberada.

About these ads

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 439 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: