O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

PC World: Testamos a capacidade de seis smartphones para lidar com e-mail.

Posted by Paulo em 06/08/2009

A PC Word testou a capacidade de seis smartphones para lidar com e-mail. A matéria original você pode ler aqui: http://pcworld.uol.com.br/reviews/2009/08/05/testamos-a-capacidade-de-seis-smartphones-para-lidar-com-e-mail/

René Ribeiro, da PC World
05-08-2009

Ter acesso ao correio eletrônico da empresa por meio de um smartphone é uma das funcionalidades mais apreciadas (ou odiada, caso isso não seja fácil) por todo aquele que, por motivos profissionais, não costuma ficar parado na frente do computador a maior parte do dia.

Encontrar um telefone móvel que seja ao mesmo tempo confiável, fácil de usar, compatível com as plataformas corporativas de correio eletrônico é um desafio e tanto. PC World testou seis smartphones, considerados pelos fabricantes o que há de melhor para lidar com e-mail profissional: BlackBerry Bold (RIM); E71 (Nokia); iPhone 3G (Apple); Q11 (Motorola); S711 (HTC); e Treo Pro (Palm).

E se o assunto é lidar com e-mail móvel, a RIM mostra que, apesar do forte avanço dos concorrentes neste segmento, ela continua colocando no mercado os melhores smartphones para tal finalidade. A combinação de recursos, usabilidade e preço foi a responsável por dar ao BlackBerry Bold (1.299 reais) o selo de Best Buy na categoria e-mail.

O principal diferencial o BlackBerry Bold, aliás de toda a família de smartphones da RIM, é um serviço chamado BlackBerry Internet Service (BIS) que, combinado ao BlackBerry Enterprise Solution (BES) permite a integração de caixas de e-mail pessoal (do tipo POP3 ou IMAP, por exemplo) ao correio eletrônico da empresa, como o Exchange, totalizando até dez endereços diferentes de e-mail, além de um endereço extra, do próprio BlackBerry, se quiser.

Blackberry-bold-350.jpg
BlackBerry Bold: líder vê a concorrência se aproximar

Por meio de uma tecnologia denominada push, usada também por outros fabricantes, as mensagens trafegam criptografadas e são entregues automaticamente no smartphone, sem que o usuário precise buscá-las.

Estes serviços são responsáveis, ainda, pela sincronização e acesso aos dados de contatos, agenda, lista de tarefas e é por meio deles (e de um serviço de dados, claro) que o usuário navega na web. Quem usa o Outlook, por exemplo, verá que o sincronismo é muito fácil de ser configurado e usado.

Anexos? Sem problemas. O Bold é capaz de baixar e exibir arquivos de todos os formatos do Microsoft Office, Adobe PDF e imagens em JPEG. E, claro, enviar arquivos nestes formatos como anexo em mensagens. Com ótima resolução e 2,6 polegadas de tamanho, a tela do Bold fornece um meio muito confortável para leitura das mensagens, e a digitação de novos e-mails é facilitada pela presença de um teclado QWERTY físico completo.
Apesar da tela ligeiramente menor (2,4 polegadas), o S711 (1.199 reais) está no calcanhar da RIM e acrescentar um diferencial importante: sua tela pose ser ajustada no formato paisagem (horizontal), o que torna a leitura de mensagens e anexos muito mais confortável. Um teclado slide, oculto sob a tela e em formato QWERTY expandido (com teclas amplas e bem espaçadas), fornece um meio muito ágil e preciso para quem precisa escrever mensagens mais longas. Dois detalhes pesam contra o smartphone da HTC: ele não tem conexão Wi-Fi (recurso mais do que necessário em um equipamento de uso profissional) e a interface pobre para a exibição das mensagens na telinha – uma longa lista, organizada por data.

htc_s711-350.jpg
HTC S711: teclado expandido é uma ajuda e tanto

A Motorola parece insistir em um design incompatível com que precisa carregar um smartphone no bolso: largo demais. Mas, por conta disso, o Q11oferece um teclado QWERTY físico completo, com teclas bem espaçadas nas quais é muito difícil errar, mesmo usando apenas os polegares para compor uma mensagem. E o criticado Windows Mobile 6.1 usado como sistema operacional facilita muito a configuração de contas do tipo POP3, IMAP e Exchange. A tela de 2,4 polegadas não é sensível ao toque. Por isso, selecionar, copiar e colar textos exige malabarismo, mas é possível. E embora não seja um aparelho 3G – uma velocidade maior para o tráfego de dados é algo desejável -, é o smartphone mais barato dentre os seis modelos testados – 799 reais.

motorola-Q11-350.jpg
Motorola Q11: grandão e barato

E por falar em design, a Nokia encontrou um bom equilíbrio entre tamanho, funcionalidade e comodidade para leitura de textos na tela de 2,6 polegadas (do mesmo tamanho do LCD do Bold). No E71 (1.499 reais), as até dez contas de correio suportadas ficam dispostas em abas e basta mover o cursos para o lado para alternar entre elas. O teclado completo e bem desenhado são bons aliados na digitação rápida e quase sem erros de mensagens. Copiar e colar exige o uso do teclado, mas é possível Um detalhe importante: embora compatível com o Exchange, o smartphone da Nokia não sincroniza dados com o Microsoft Outlook. Deve-se usar um cliente diferente, o PC Suite – um trabalho e tanto para quem tem uma agenda repleta de contatos e compromissos.

nokia-e71-350.jpg
Nokia E71: não sincroniza com o Outlook

O Mail, cliente de correio eletrônico do iPhone 3G (1.789 reais), é o principal responsável pelo desempenho fraco do smartphone da Apple nesta categoria. Embora seja compatível com todos os protocolos populares de e-mail, inclusive o Exchange, o software não oferece recurso de criar novas pastas, o que facilitaria a vida do usuário para organizar suas mensagens, e a função push é uma devoradora de bateria (melhor deixá-lo desabilitado). Para balancear, o equipamento tem uma ampla tela de 3,5 polegadas (a maior dentre os modelos avaliados) pode ser usada tanto no formato retrato quanto paisagem – a mudança é feita automaticamente, com melhor aproveitamento do espaço, inclusive para o teclado QWERTY virtual. O recurso que permite selecionar, copiar e colar texto, que veio na versão 3.0 do sistema operacional, faz muito bom uso da interface touch e funciona perfeitamente.

iphone-350.jpg
iPhone 3G: cliente de e-mail é o seu calcanhar de aquiles

A presença de um teclado físico completo, tela sensível ao toque (2,6 polegadas), recurso de selecionar, copiar e colar, facilidade de configuração de contas de e-mail (limitada a cinco endereços), compatibilidade com diversos protocolos de e-mail e facilidade de sincronismo com o Microsoft Outlook são pontos extremamente positivos no Treo Pro. Mas o equipamento se da Palm se mostrou lento para realizar alguns funções. No teste, ao cancelar o download de um anexo de mensagem, o smartphone precisou de um minuto e 30 segundo para ficar liberado. Mas o maior problema está localizado em outro ponto. O preço: 2.599 reais.

Palm-Treo_Pro-350.jpg

Treo Pro: caro demais, apesar das funções

A matéria original pode ser lida aqui: http://pcworld.uol.com.br/reviews/2009/08/05/testamos-a-capacidade-de-seis-smartphones-para-lidar-com-e-mail/

3g Está com problemas em configurar seu modem no Linux?
Tem problemas de conexão e sinal baixo?

Se você mora na região de Curitiba, eu posso ajudar.
Deixe um comentário neste post que entrarei em contato.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: