O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

Mais uma ação anti SL da Microsoft no Brasil

Posted by Paulo em 12/07/2010

Arquivo original em inglês em: http://techrights.org/2010/07/07/political-games-in-brazil/

Da Techrights:

07.07.10

Relato de leitor e vazamento de informações: “A Microsoft estás forçando um EDGI no Brasil.”

Postado em America, GNU/Linux, Microsoft, Windows às 1:13 por Dr. Roy Schestowitz

Resumo: Um membro anônimo da Techrights no Brasil disse que programas do tipo EDGI estão sendo utilizados para impedir a adoção do GNU/Linux pelo Brasil. A prova vazou.

“Eles estão tentando forçar um EDGI aqui no Brasil,” explicou recentemente um membro preocupado. Para aqueles que não sabem o que é EDGI, veja aqui. “Eu entrei em contato com Marcelo Branco,” disse, “vamos ver se ele se intereswsará pelo assunto.”

“De qualquer modo, Eu acho que vou divulgar os documentos que tive acesso na Wikileaks. Basicamente, o Sr Ballmer visitou todos os estados onde os governadores eram do PSDB, um partido de oposição ao PT de Lula (o Partido dos Trabalhadores) e fez acordos para montar os EDGI nesses estados.

“Basicamente, essa é a história. Enquanto o governo federal apoia o Linux, Ballmer fez alianças nos estados controlados pelos rivais… para fazer com que o Linux nas escolas descarrilhe, uma vez que essas escolas recebem computadores doados pelo governo federal com Linux.”

Para dar mais detalhes, aqui está como a fonte resumiu em suas próprias palavras (é necessária pesquisa cuidadosa e verificação):

Demorou algum tempo para colher algumas informações importantes a respeito dos interesses do Sr. Ballmer no Brasil.
Na verdade, eles (Microsoft) estão preocupados com a tecnologia de informação no Brasil desde a eleição do nosso atual presidente, o Sr. Luiz Inacio Lula da Silva.
Em 2002, eu li este post, onde eles expressam preocupação a respeito da eleição do presidente Lula e da direção das políticas relacionadas ao software proprietário no governo.

Antes, em 2001/2002, ele se encontrou com muitos políticos, e mesmo com o governador do Distrito Federal, o Sr. Cristovam Buarque. Naquela época, haviam doações de computadores para as escolas públicas do governo federal, mas com Windows XP. Quando o governo mudou, e o PT passou a governar, a história ficou diferente.

Então, o Sr. Ballmer, desde 2008, iniciou um contra-ataque contra a adoção do Linux no Brasil, no setor educacional, fazendo acordos com governadores de partidos rivais ao Partido dos Trabalhadores, com a intenção de varrer o Linux da vista das crianças.

Em São Paulo, ele se encontrou com José Serra, e fechou acordos relacionados aos Telecentros, que nunca deveriam utilizar a plataforma Windows por causa da sua crescente disseminação de vírus/malware.

E existe um comunicado da própria Microsoft, confirmando o acordo com o estado de São Paulo.

“O contra-ataque ao Linux está sendo perpetrado nos estados, não no nível federal, onde o governo está apoiando o Linux muito fortemente.”Portanto, depois dos encontros de 2008, surpreendentemente, todo estado no qual o governador é do partido rival ao do presidente Lula está fazendo acordos na área da educação com a Microsoft.

São Paulo, em 2008, depois o Amazonas, Piaui, Pará, Goiás, Paraíba e agora, o Rio Grande do Sul.

Assim, eles tentam desfazer as ações do governo federal, esvaziar o interesse no Linux, com corrupção e promessas de empregos para os pobres. Nós sabemos onde termina essa doutrinação. Somente a Microsoft ganha, o resto são apenas peões no jogo de interesses.

…Estou enviando este documento [DOC]… a respeito da situação no estado do Rio Grande do Sul. Neste documento, que é um memorando interno, pessoas da área da educação no estado do Rio Grande do Sul dão orientações a respeito de como recrutar os alunos para o programa de doutrinação da Microsoft Jovem Digital.

Espero que vocês possam fazer bom uso dessas informações e expô-las, estabelecendo ações disfarçadas de filantropia.

Vários links oferecem a trilha necessária para rastrear as provas que baseiam esse artigo. Dois anos atrás, o Brasil disse que 52 milhões de jovens migrariam para o KDE (no Debian); era óbvio que a Microsoft não ficaria quieta. Nós já escrevemos sobre o assunto anteriomente e fornecemos mais provas.

Sob NENHUMA circunstância perderemos para o Linux antes de nos assegurarmos que utilizamos esse programa (EDGI) ativamente e de maneira inteligente.”

Orlando Ayala, Microsoft


2 Respostas to “Mais uma ação anti SL da Microsoft no Brasil”

  1. waldyr said

    Piaui oposição?

    • stellarium said

      Pois é. Também estranhei, mas como a matéria foi traduzida de um site estrangeiro, achei melhor deixar como estava.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: